PC Gamer, o sonho de consumo de todo gamer de verdade. Quem nunca passou raiva por seu PC não rodar determinado jogo ou “travar demais” e com isso sonhar em ter um verdadeiro PC Gamer? Porque eu já.

Mas então eis que nos surge a dúvida, como montar aquele PC Gamer monstro? São vários componentes aos quais você deve se atentar para isso. E não tem problema se você é um leigo no assunto e não entendo muito bem sobre, é exatamente para isto que estamos aqui.

Neste artigo nós iremos lhe ajudar a montar aquele PC Gamer de dar inveja em todo mundo. E mais do que isso, iremos lhe ajudar a entender como cada componente influencia na pintura final. Assim sendo, você conseguirá encontrar o PC Gamer ideal para sua condição atual. Vamos nessa!

A placa-mãe

A placa mãe - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Se você pensa na sua CPU como o cérebro do seu computador, então a placa-mãe é o coração e o sistema nervoso central. É a placa principal do seu sistema, e a que você conecta todas as outras peças de necessárias, é responsável por retransmitir informações entre todos os componentes. Em outras palavras, a placa-mãe é o hub central da sua máquina.

PC sem placa mãe - O guia completo de como montar o seu PC Gamer
Muito cuidado com as ofertas de baixo preço que você encontra

Entretanto, em termos de desempenho real de jogos, ele não terá nenhum tipo de impacto. Sua placa de vídeo, CPU e RAM (nessa ordem) tem o maior efeito no seu rácio de fotogramas e na suavidade dos seus jogos. Mas ainda é necessário escolher uma placa-mãe decente para que seu PC tenha uma boa base resistente e confiável.

Abaixo iremos dar uma olhada nos principais fatores que você deve levar em consideração antes de escolher sua placa mãe.

O tamanho é documento

Sim, neste caso, o tamanho é documento. Você precisa estar ciente do formato de uma placa-mãe para poder escolher um gabinete que suporte o tamanho de sua placa-mãe. Isso pois os gabinetes normalmente suportam apenas um ou dois tamanhos / formatos.

Os três tamanhos mais comuns de placas-mãe em ordem de tamanho do menor para o maior são o mITX (abreviação de Mini ITX) com 15 x 15 cm, o mATX (abreviação de Micro ATX) com 24,4 x 24,4 cm e o ATX com 30,5 x 24,4 cm. ATX é considerado o tamanho padrão, mas os tamanhos de fator de forma menores de mITX e mATX também são bastante comuns. Especialmente para versões mais baratas.

Placa mãe tamanhos - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

O Processador

Antes de mais nada, você não pode simplesmente comprar qualquer placa-mãe e pronto. É necessário já se ter em mente qual tipo de processador você irá utilizar.

Existem basicamente dois tipos de placas-mãe que você pode obter. Placas-mãe baseadas em Intel que são compatíveis apenas com processadores Intel. E placas AMD que, você adivinhou, só se encaixam na gama de CPUs da AMD.

Vamos supor então que você escolha o processador Intel Core i5-8400. Esse modelo em particular tem um tipo de soquete LGA 1151, que você encontrará listado claramente nas especificações. Sendo assim, você deve escolher uma placa-mãe que tenha exatamente o mesmo tipo de soquete que a sua CPU (neste caso, o LGA 1151).

Placa mãe processador - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

A memória RAM

É necessário verificar a compatibilidade da placa-mãe com sua memória RAM. Existem 4 fatores que devem ser levados em consideração para isto.

  • Tipo de RAM – Atualmente há basicamente duas opções quando se trata de RAM. Você vai ter DDR3, ou você vai ter o mais recente e um pouco mais rápido DDR4. Uma placa-mãe suportará apenas uma ou outra, portanto, se você comprar uma RAM DDR4, só poderá escolher uma placa-mãe DDR4.
  • Velocidade de RAM Além de garantir que sua placa-mãe suporte seu tipo de RAM, você também deve verificar se ela suporta sua velocidade específica. Então, se você comprar um stick de RAM com uma velocidade de 2133 Mhz, verifique nas especificações da placa-mãe que ele suporta 2133 Mhz de RAM.
  • Capacidade de RAM – Também é bom saber a quantidade máxima de memória que sua placa pode suportar, especialmente se você estiver construindo um sistema de desempenho extremo com uma tonelada de memória.
  • Número de Slots de RAM Digamos, por exemplo, que sua placa-mãe tem apenas 2 slots de memória RAM e você compra 2 conjuntos de 4 GB de RAM para fazer um total de 8 GB (quantidade bastante padrão). Você agora pegou os dois slots e, portanto, se quiser fazer upgrade com mais RAM depois… você não tem slots. Neste caso, você gostaria de ter um único slot de 8 GB em vez de 2 x 4 se você soubesse que poeria vir a atualizar mais tarde.
Slots para memória RAM 1024x443 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Slots para expansão

É sempre bom já projetar seu PC Gamer para possíveis expansões futuras. Se você estiver fazendo upgrades na sua linha de produtos ou adicionando alguns cartões extras, como placa de som, placa de rede, segunda placa de vídeo, etc, você deve verificar se a placa-mãe que você escolheu tem slots de expansão suficientes. Você também deve ter em mente o número de portas USB para garantir que sua placa tenha o suficiente para suas necessidades.

Slots para expansão - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Armazenamento

É crucial se ter em mente aquilo desejado em relação ao espaço para arquivos e desempenho. A grande maioria das placas-mãe costumam não economizar na quantidade de portas SATA, assim sendo, instalar mais de um HD não costuma ser problema. E, caso você queira recorrer a um SSD, é bom se assegurar que exista pelo menos uma entrada SATA III para tal.

Melhores marcas

Com todo o conhecimento apresentado acima você já é capaz de começar a visualizar sua placa-mãe. Assim sendo, é normal que surja a pergunta de quais as melhores do mercado.

Em primeiro lugar é importante começarmos a dizer que há diversas boas marcas (e muito mais marcas ruins) no mercado, mas é importante prestar uma atenção extra a estas: Asus, Gigabyte, MSI ou AsRock.

O Processador

O Processador, ou CPU, como dito anteriormente, é o cérebro do seu computador. Ele é responsável por fazer todos os cálculos matemáticos rápidos com os quais seus jogos e outros programas dependem, e o poder da CPU do seu PC Gamer terá uma correlação direta com o desempenho geral do jogo.

Abaixo iremos dar uma olhada nos principais fatores que você deve levar em consideração antes de escolher seu processador.

Intel Vs AMD

Vamos direto ao que você provavelmente está pensando como um novato: “Qual marca de CPU você devo escolher para meu PC Gamer? Intel ou AMD?”. Entretanto, se você está procurando uma resposta direta, prepare-se para a decepção, pois algumas coisas na vida não são tão simples quanto uma resposta em preto e branco. Intel e AMD (Advanced Micro Devices) há muito tempo dominam o mercado de processadores e a constante, feroz e saudável competição entre as duas gigantes da tecnologia de CPU que estão sempre tentando se aventurar em um novo território leva a um campo que geralmente é bonito mesmo em termos.

Seria apenas dizermos que uma ou outra é claramente a melhor escolha na maioria das vezes, mas não é o caso. E escolher entre um chip AMD ou Intel para um PC Gamer moderno e duradouro dependerá de vários fatores, incluindo os jogos e aplicativos específicos para os quais você deseja maximizar o desempenho, seu orçamento de CPU, condições atuais do mercado de CPU e talvez a necessidade de uma CPU com determinados recursos.

Quando se trata estritamente apenas do desempenho em jogos, a história nos diz que a Intel geralmente ganha. Mas isso não quer dizer que a AMD não pode ser uma ótima opção para jogos. Principalmente pelo fato de que os processadores AMD da mesma linha como a Intel são geralmente um pouco mais barato. Assim, você poderia dizer que a AMD favorece o público de jogos de orçamento um pouco mais. Enquanto a Intel se inclina um pouco mais para aqueles que simplesmente querem mais poder e estão dispostos a pagar um pouco mais por isso.

Intel Vs AMD 1024x576 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Os Processadores Ryzen

Processador Ryzen - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Os processadores Ryzen são a mais recente linha de CPUs da AMD, e geralmente são bons processadores para jogos.

Eles vêm em variantes baratas (Ryzen 3), mid-range (Ryzen 5) e high-end (Ryzen 7). No entanto, se são o melhor processador para jogos ou não, depende do nível de preço que você está observando. Porque quando se trata de puro desempenho de jogos, a Intel geralmente ganha um pouco com todos os outros fatores sendo iguais. 

As CPU i3

Core i3 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

A gama de CPUs Core i3 da Intel destina-se a jogadores com um orçamento limitado, embora ainda ofereçam um bom desempenho. Embora seja preciso dizer que um processador Ryzen orçamento é uma boa escolha. Mas, se você estiver fazendo tarefas pesadas na CPU, como edição de vídeo, streaming ou jogos de alto nível, então você vai querer idealmente subir para um i5 ou Ryzen 5.

As CPU i5

Core i5 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Um Intel Core i5 é geralmente uma escolha ideal para os jogadores que querem maximizar o desempenho dos seus jogos, mas não gastar mais. Eles são CPUs muito capazes, para jogos modernos eles são tudo o que você precisa.

As CPU i7

Core i7 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

A Intel Core i7 é o mercado de gama alta para os jogadores e o que você deve obter se quiser o melhor CPU para jogos. Mas um i7 definitivamente não é necessário para maximizar os jogos modernos na maioria das situações, supondo que você tenha uma placa de vídeo de jogos boa o suficiente. Um i5 é tudo que você precisa para fazer isso. Você só deve obter um i7 se tiver dinheiro para gastar e quiser o melhor dos melhores (excluindo as CPUs extremas da Intel, como a gama i9, que são um exagero para jogos) para durar o maior tempo possível.

Especificações de CPU importantes para se saber

Abaixo iremos listar algumas especificações importantes para se saber sobre a CPU. As explicações são simples e diretas, boas para um bom entendimento de seu PC Gamer. Caso você seja um novato no assunto, irá se beneficiar deste conhecimento. E se não for novato, talvez ache algo que não saiba ainda, conhecimento nunca é demais. Acompanhe só:

Tipo de Soquete da CPU

Este é o tipo de CPU, e precisará ser comparado com o tipo de soquete de sua placa-mãe. Em outras palavras, se você decidir usar uma CPU AMD Ryzen, eles terão um tipo de soquete AM4. Portanto, você precisará obter uma placa-mãe AM4.

Velocidade do clock da CPU

A velocidade de estoque em que o processador é executado, medida em GHz. Não é o único fator, mas uma boa base de como a CPU é rápida.

Núcleos de CPU

As CPUs têm quantidades variáveis ​​de núcleos, que são basicamente como microprocessadores dentro de um processador. Isso permite que uma CPU funcione de maneira mais eficiente e com várias tarefas. Uma CPU com 2 núcleos é chamada de processador dual-core, 4 núcleos é quad-core, 6 núcleos é hexa-core e 8 núcleos é octa-core. Para um PC Gamer, os núcleos não são tão importantes. Tudo o que você precisa é um bom CPU dual ou quad-core como base.

CPUs Bloqueadas vs Desbloqueadas

Uma CPU bloqueada significa que a velocidade do clock está ajustada e não pode ser alterada pelo overclocking, enquanto uma CPU desbloqueada é uma CPU com overclock. Os processadores Intel destravados têm um “K” no número do modelo, como o Intel Core i5 8600K. A AMD não tem esse sistema de nomenclatura, mas a maioria de suas CPUs está desbloqueada. Se você quiser fazer overclock em seu processador, ou planeja fazê-lo mais tarde, precisará de um modelo desbloqueado.

A Placa de vídeo

A placa de vídeo tem como função controlar e administrar as funções de exibição de vídeo na tela.

Baixando uma placa de vídeo - O guia completo de como montar o seu PC Gamer
Não, você não pode baixar uma placa de vídeo

Abaixo iremos listar o que de principal você deve saber antes de comprar a placa de vídeo ideal para seu PC Gamer. Acompanhe só.

Atenção para o número de modelo

O último indicador de desempenho de qualquer placa de vídeo é o seu número de modelo. Ele representa uma combinação de processador gráfico (GPU), taxas de relógio e largura de banda de memória. O formato é nome da marca + número do modelo, ou seja, Radeon R9 290X ou GeForce GTX 780 Ti. Portanto, para um PC Gamer, você deve comprar a placa de vídeo de maior nível que puder. Isso dentro de seu orçamento, é claro.

modelo da placa de video - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

A memória é superestimada, e a largura de banda subestimada

A fixação injustificada na quantidade de RAM é o maior e mais comum erro cometido pelos jogadores que querem comprar hardware gráfico. A menos que você esteja executando resoluções incrivelmente grandes (três monitores em surround ou um monitor 4K), você não precisa se preocupar com a quantidade de RAM.

O que você precisa prestar atenção é a largura de banda. Embora as expectativas de largura de banda variem dependendo do preço e do nível de desempenho de uma placa de vídeo, lembre-se sempre disso: a memória GDDR5 fornece o dobro da largura de banda de DDR3 com a mesma taxa de clock. Como a largura de banda da memória é significativa no desempenho, a escolha do GDDR5 é óbvia. 1 GB de GDDR5 é infinitamente preferível a 4 GB de DDR3.

A plataforma: esteja atento a seu sistema

Você está executando um processador dual-core mais antigo, como um Celeron, Pentium, Sempron ou Athlon X2? Se assim for, não irá acompanhar o hardware gráfico top de linha, por isso não desperdice o seu dinheiro. Ir para uma placa mid-range pode ser a melhor opção. Ou, se você quer o melhor desempenho em jogos, atualize para um processador moderno que pode lidar com quatro threads simultâneas.

Sua exibição também é um fator importante. Um monitor antigo de 1280 x 1024 não requer o hardware gráfico mais caro. Por outro lado, se você planeja executar três monitores de 1920 x1 080 em surround, um modelo de médio porte não fornecerá as taxas de quadros desejadas em jogos 3D modernos.

Compatibilidade, se não tiver já era

placa de vídeo compatibilidade - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Eis que você vai instalar sua nova placa de vídeo, e ela é muito longa. Antes de mais nada tire um momento para medir quanto espaço físico seu estojo tem para oferecer.

Sua fonte de alimentação é importante. Quantos conectores de energia PCIe de seis e oito pinos possui? Quantos watts é avaliado e quantos amplificadores ele fornece nos trilhos de 12 volts? Faça referência cruzada a essas informações com a placa de vídeo que você deseja comprar. Se o seu PC não conseguir lidar com isso, você terá que procurar uma placa de vídeo que funcione. Ou então terá de considerar um upgrade.

Ao comprar uma fonte de alimentação melhor, tenha em mente que um nome de marca confiável (como Corsair, Antec e Seasonic) é muito mais importante do que a potência máxima anunciada no pacote. Em geral, se uma fonte de alimentação tiver um bom nome de marca e conectores de alimentação PCIe compatíveis com a placa de vídeo que você deseja, tudo ficará bem.

O Sistema de Refrigeração

Placas de vídeo de alto desempenho tendem a usar muita energia, e isso cria calor que iria fritar a GPU sem um cooler. Geralmente, existem dois tipos de refrigeradores: referência e pós-venda.

Os resfriadores de referência são normalmente encontrados em amostras de baixo custo. Estes normalmente canalizam o ar aquecido para fora da parte traseira do gabinete, o que é bom porque não aumenta a temperatura do seu PC. Infelizmente, os coolers de referência tendem a ser um pouco mais barulhentos.

Coolers personalizados são geralmente muito mais silenciosos e fazem um trabalho melhor de manter o seu GPU resriado em comparação com resfriadores de referência. A desvantagem é que eles tendem a reciclar a exaustão quente para o gabinete, enfatizando a capacidade do sistema de manter as temperaturas baixas.

Resfriando o PC - O guia completo de como montar o seu PC Gamer
Mas claro, sempre há o jeitinho brasileiro

HDD ou SDD?

A resposta curta? Um SSD é muito mais rápido e oferecerá um desempenho notavelmente melhor para seu PC Gamer. Os HDDs, por outro lado, têm uma vida útil mais longa e são muito mais econômicos como uma solução de armazenamento de alto volume.

HDD ou SSD - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Entretanto, abaixo vamos analisar melhor a diferença entre ambos.

Velocidade

Quando colocado em prática, um SSD seja aproximadamente 2 a 3 vezes mais rápido que um HDD. Ou seja, no quesito velocidade, um SSD é claramente superior.

Longevidade

Quando se trata do tempo de vida geral, os HDDs tendem a durar mais do que os SSDs. Mesmo com uso intenso, um SSD pode durar mais de 5 anos. Ainda assim, os HDDs podem durar facilmente por mais de 10 anos, embora o desempenho deles deva diminuir à medida que o tempo passa.

Durabilidade

Os SSDs são mais duráveis ​​devido à falta de partes móveis. Os HDDs, por outro lado, são propensos ao mau funcionamento e ao dano físico, simplesmente por causa dos mecanismos de que depende seu funcionamento.

Capacidade

Tanto SSDs quanto HDs que chegam a 8 TB, ou até mais, podem ser encontrados no mercado hoje. Entretanto, não pelo mesmo preço. Os HDDs são aproximadamente 4 vezes mais baratos que os SSDs quando se trata de armazenamento.

Barulho

Como já dissemos, o SSD não tem partes móveis. Como tal, funciona completamente em silêncio. Por outro lado, um HDD é obrigado a produzir uma certa quantidade de ruído, mas nem todo HDD é tão alto quanto outro.

O Veredicto final

Para um PC Gamer, um SSD é bem melhor do que um HDD. Entretanto, você pode simplesmente ter os dois.

Muitos gamers fazem isso. Basta que você use o SSD como unidade de sistema para seus jogos e um HDD para armazenar seus dados. Esta é sem dúvida a melhor opção.

O Cooler

O objetivo do cooler é evitar a sobrecarga de calor que seu PC Gamer irá gerar. Ou seja, e importante escolher bem o cooler ideal para seu PC Gamer.

cooler 1024x678 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Abaixo apresentaremos alguns tópicos que você deve se atentar para escolher o melhor cooler.

Quanto calor minha CPU gera?

Esta é a primeira coisa que você deve saber, para só assim ter ideia se você precisa de um cooler pequeno, médio ou grande. Se você tiver sorte e ainda tiver a caixa da CPU, ela poderá informar quantos watts de calor ela gera. Se não, você precisa saber o número do modelo.

Com seu modelo em mãos, basta realizar uma busca pela internet para saber quanto de calor ele gera. Por exemplo, no momento o Intel Q6600 gera 95w de calor enquanto a maioria dos Intel Core 2 Duo geram apenas cerca de 65w de calor. No outro extremo da escala, o AMD Athlon 64 X2 6400+ gera 125 watts de calor.

Ventoinha de 3 ou 4 pinos?

Muitas pessoas ainda preferem os de 3 pinos por causa da quantidade de controle que eles oferecem. Se você tem um ventilador de 3 pinos, isso significa que o ventilador gira a uma velocidade constante ou, usando um controlador de ventilador, você pode alterar a velocidade do ventilador. Eles até trabalham em um conector de 4 pinos. Normalmente, você quer diminuir a velocidade do ventilador o máximo possível, enquanto garante que o ventilador esteja girando rápido o suficiente para garantir que ele não sobreaqueça, não importa o que você esteja fazendo.

Um equívoco comum é que você tenha que manter seu olho na temperatura e continuar ajustando-a em intervalos regulares. Isso não é verdade. No entanto, você precisa definir a velocidade do ventilador, enquanto todos os núcleos em sua CPU estão sob carga total. Pesquise na rede por esses programas. Atualmente, o CPU Burn-in é um exemplo popular desse tipo de utilitário.

O tamanho do cooler

Coolers vêm em todas as formas e tamanhos e é seguro dizer que, em geral, quanto maior mais eficiente ele é. Se estiver equipado com um ventilador, quanto maior, melhor. Ventiladores grandes podem girar lentamente enquanto movem muito, e eles são geralmente muito mais silenciosos. Entretanto, se você tem apenas uma CPU de baixa potência, digamos de 40w a 70w, não há muito sentido em ir para o maior cooler disponível.

Mas claro, esteja seguro de que seu cooler irá se encaixar perfeitamente eu seu gabinete. Por isso é sempre bom tirar algumas medidas dentro do gabinete e compará-las com as medidas listadas nos sites antes de você fazer um pedido.

A Fonte

Seu PC Gamer é muito potente? Então você deve ficar extremamente atento à escolha de sua fonte. Afinal de contas, é ela quem suporta todo seu PC Gamer, é ela a bateria do seu carro.

fonte para PC - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Uma fonte de baixa qualidade pode nem ao menos ligar o seu PC, ou pior, ocasionar danos irreversíveis. Em casos extremos, pode até mesmo ocasionar curtos e resultar em incêndios. É por isso que é tão importante escolher a potência ideal para sua fonte.

Calculando a potência

Vamos pelo principal, sua placa de vídeo. É nela que a maior parte da energia será consumida. Tenha em mãos seu manual, é nele que você encontrará as informações referentes a quantos Watts ela precisa.

Em seguida é hora de adicionar o consumo dos coolers à conta. Por fim temos uma conta básica de 200W para os demais componentes como processador, memória e placa-mãe. Some tudo isso e você terá um valor mínimo de alimentação eficiente para seu conjunto.

Caso você queira ajuda para realizar o cálculo, o Power Supply Calculator é uma boa opção.

Após os cálculos feitos

Tendo feito os cálculos, é hora de pesquisar modelos com a quantidade de Watts requerida. Mas lembre-se de nunca seguir exatamente a risca, sempre jogue um pouco mais na hora da compra. Seguindo estes cálculos você não irá correr o risco de adquirir uma fonte a baixo do necessário, e lembre-se de sempre comprar em lojas confiáveis.

Outra boa dica é ficar atento se ela possui o selo 80 Plus. Este selo te garante que a fonte irá entregar no mínimo 80% da eficiência energética prometida.

O Gabinete

O corpo do seu PC Gamer, é onde você irá olhar sempre e suspirar de orgulho.

Gabinete Gamer 1 - O guia completo de como montar o seu PC Gamer

Atualmente há diversos modelos no mercado, um mais belo que o outro, tudo para deixar seu PC Gamer cada vez mais bonito. Entretanto, há algumas coisas as quais você deve se atentar além da beleza. Abaixo nós destacamos o que de mais importante você deve considerar ao escolher seu gabinete gamer.

Tudo o que deve ser levado em consideração

Para um PC Gamer, um gabinete deve, acima de tudo, possuir uma boa refrigeração. Apoios para cabos é algo que você também irá desejar, afinal de contas, ninguém merece toda aquela embolação de cabos soltos. E claro, portas HDMI, entradas acessíveis para USB e uma acoplagem facil para novos drivers e HDs é algo que você não pode deixar passar.

Com relação ao tamanho de seu gabinete, é sua placa de vídeo que irá definir. Assim sendo, é importante que você tenha o tamanho de sua placa em mente antes do tamanho de seu gabinete. O tamanho mais comum para um gabinete é o ATX.

Após tudo isto, o que vem em seguida é o seu gosto. O gabinete é a cara de seu PC Gamer, assim sendo, após ter levado tudo acima em consideração, procure sempre por aquele design que mais lhe agrade.

A cereja no bolo

Após termos passado por todos os principais componentes de um PC Gamer, chega a hora da cereja no bolo. Afinal de contas, sem seus periféricos você não será capaz de jogar, e periféricos são nossa especialidade.

Sendo assim, o próximo passo é encontrar a cadeira gamer, o mouse gamer, o teclado gamer e o headset gamer ideal para você. E adivinhe só, nós já possuímos artigos sobre cada um destes periféricos. Tudo feito somente para você, basta escolher seu preferido.

Finalizando seu PC Gamer

Após a leitura deste extenso artigo, você estará mais perto para ter seu tão sonhado PC Gamer. Basta seguir nossas dicas, comprar sempre em sites confiáveis e de qualidade e se ater ao sonho. O tão sonhado PC Gamer pode estar mais próximo do que você pensa.

Ficou alguma duvida quanto a montagem de um PC Gamer? Fala pra gente aí nos comentários, estamos prontos para ajudar com o que pudermos.