Entenda os sensores dos mouses

Os sensores dos mouses sempre foi um assunto que levantou discussões na comunidade gamer. Óptico ou laser? Qual o melhor? Ou será que é tudo igual? São dúvidas como esta que nos levaram a criação deste artigo, para tentar fazer com que os gamers entendam de vez os sensores dos mouses.

No final é tudo óptico

Apesar de haver uma distinção entre óptico e laser, todos os mouses utilizam de sensores ópticos para rastreio.

Os mouses modernos podem ser comparados a câmeras. Eles constantemente tiram fotos da superfície em que se encontram. Essas imagens são convertidas em dados para rastrear a localização atual do periférico em uma superfície. Combinados com duas lentes e uma fonte de iluminação, eles rastreiam as coordenadas X e Y do periférico milhares de vezes por segundo.

Sensor Óptico - Entenda os sensores dos mouses

Todos os mouses são ópticos, tecnicamente, porque eles tiram fotos, que são dados ópticos. No entanto, aquele comercializado como modelos ópticos depende de um LED infravermelho que projeta luz sobre uma superfície. Este LED é normalmente montado atrás de uma lente inclinada, que focaliza a iluminação em um feixe. Esse feixe é refletido para fora da superfície, através da lente de “imagem” que amplia a luz refletida e para o sensor CMOS.

O sensor CMOS coleta a luz e converte as partículas de luz em uma corrente elétrica. Esses dados analógicos são convertidos em 1s e 0s, resultando em mais de 10.000 imagens digitais capturadas a cada segundo. Essas imagens são comparadas para gerar a localização precisa do mouse e, em seguida, os dados finais são enviados para seu PC para posicionamento do cursor a cada um a oito milissegundos.

Ou seja, é tudo óptico, sendo que a principal diferença entre os sensores dos mouses se dá pelo tipo de iluminação utilizada contra a superfície.

O mouse laser e seu feixe invisível

Logitech leva o crédito por introduzir o primeiro mouse laser, em 2004. Mais especificamente, é chamado de díodo laser de emissão de superfície de cavidade vertical (ufa!), ou somente VCSEL. Usado em ponteiros laser, drives ópticos, leitores de código de barras e etc.

Sensor Laser - Entenda os sensores dos mouses

Este laser infravermelho substitui o LED infravermelho em modelos “ópticos”. Mas não se preocupe, ele não vai danificar os seus olhos. Isso porque os lasers utilizados não são (ainda) poderosos o suficiente. Eles também estão em infravermelho (fora do espectro visível) para que você não veja um brilho vermelho irritante vindo de baixo do mouse.

Por um tempo, acreditava-se que os modelos a laser eram muito superiores às versões “ópticas”. Com o tempo, porém, os mouses ópticos melhoraram e agora trabalham em uma variedade de situações com alto grau de precisão. Entretanto, atualmente há modelos ópticos bem superiores a seus concorrentes a laser. Não seja enganado por uma DPI absurdamente alta!

Óptico Vs Laser

Então, qual é a grande diferença entre usar um mouse óptico e um mouse a laser, se a única diferença é a iluminação?

Para começar, os dois métodos usam as irregularidades de uma superfície para acompanhar a posição do periférico. Mas um laser pode ir mais fundo na textura da superfície sem queimar o material. Isso fornece mais informações para o sensor CMOS e processador dentro do mouse.

Por exemplo, embora o vidro seja claro, ainda existem irregularidades extremamente pequenas que podem ser rastreadas por um laser, permitindo que o mouse host se mova através de uma mesa de vidro, mas não perfeitamente. Enquanto isso, poderíamos colocar o mouse óptico mais recente na mesma superfície e ele não iria rastrear nenhum movimento. Remova o vidro e o mouse óptico funciona bem.

É claro que as chances de você precisar usar um mouse em uma superfície de vidro são extremamente raras, mas ilustra como os dois processos de iluminação diferem no desempenho. Um LED rastreará as anomalias encontradas na camada superior de uma superfície, enquanto um laser pode ir mais fundo para obter detalhes posicionais extras. Os mouses ópticos funcionam melhor em superfícies sem brilho e mouse pads, enquanto um mouse a laser pode funcionar em praticamente qualquer superfície.

Precisão Vs Sensibilidade

O problema com os mouses laser é que eles podem ser muito precisos, captando informações inúteis, como os montes e vales invisíveis de uma superfície. Isso pode ser problemático ao mover-se em velocidades mais lentas, causando o “jitter” do cursor na tela ou o que é mais conhecido como aceleração. O resultado é um rastreamento incorreto de 1: 1 decorrente de dados inúteis lançados no mix de rastreamento geral usado pelo PC. O cursor não aparecerá no local exato no momento exato em que sua mão foi projetada. Embora o problema tenha melhorado ao longo dos anos, os mouses a laser ainda não são ideais se você estiver esboçando detalhes no Adobe Illustrator.

Uma opção seria diminuir a sensibilidade. Em outras palavras, sensibilidades menores também resultam em movimentos mais precisos.

Sensor Laser e Optico - Entenda os sensores dos mouses

As melhores opções atuais

Abaixo apresentaremos alguns modelos com os melhores sensores dos mouses. Sensores tanto ópticos quanto laser. Cabendo a você definir qual o mais adequado.

Mouse Gamer Razer DeathAdder Elite (média de R$ 400,00)

Razer DeathAdder Elite 1 - Entenda os sensores dos mouses

O Razer DeathAdder Elite é um excelente mouse óptico 4G. Para início de conversa ele já foge da premissa de que ópticos possuem pouco DPI, com seus nada humildes 16000.

Este modelo apresenta ao todo 7 botões, uma precisão de resolução de 99,4% e é bastante utilizado por gamers profissionais.

button ver o preco atualizado e1543418467553 - Entenda os sensores dos mouses

Mouse Gamer Logitech G903 Lightspeed (média de R$ 550,00)

Logitech G903 - Entenda os sensores dos mouses

O melhor mouse da Logitech é certamente uma boa pedida para você. Ele não só é um mouse óptico com um DPI enorme (12000), como também é um modelo sem fio. E não para por aí.

Ele possui um design ambidestro, 11 botões programáveis, iluminação programável e muito mais. Sem dúvidas é uma das melhores opções de mouse óptico disponíveis no mercado.

button ver o preco atualizado e1543418467553 - Entenda os sensores dos mouses

Mouse Gamer Razer Lancehead (média de R$ 550,00)

Lancehead - Entenda os sensores dos mouses

A Razer é uma marca que adora lançar mouses com sensores laser, e o Razer Lancehead é um deles. Ele possui uma DPI máxima de 16000, e
a tecnologia razer synapse 3, onde você poderá salvar suas configurações diretamente no mouse e na nuvem.

Além disto este modelo traz também ao todo 9 botões e um design ambidestro. Uma boa opção para você que procura por um mouse laser.

button ver o preco atualizado e1543418467553 - Entenda os sensores dos mouses

Mouse Gamer Razer Naga Hex V2 (média de 580,00)

Razer Naga Hex V2 - Entenda os sensores dos mouses

Novamente a Razer figurando entre os mouses laser. Este modelo se destaca não apenas por seu alto DPI de 16000, ou pela Iluminação Razer Chroma, nem mesmo pela Razer Synapse, mas sim pelos seus botões adicionais.

Ele conta com 7 botões laterais adicionais, perfeito para MOBAs. Se você é fã de sensores laser, e procura um mouse com vários botões, acabou de encontrar.

button ver o preco atualizado e1543418467553 - Entenda os sensores dos mouses

E qual entre os sensores dos mouses é o melhor?

Dependendo de onde você pesquisar pela internet, encontrará respostas controversas para esta pergunta. Entretanto, nós da periféricos gamer somos da opção de que, entre os sensores dos mouses, o óptico certamente se destaca.

Claro, o sensor a laser apresenta um DPI muito mais elevado, entretanto, após um certo valor isto torna-se totalmente desnecessário. Você consegue perfeitamente bem obter um bom DPI em um modelo óptico. E com relação a superfície de contato, se você não planeja utilizar seu mouse em uma superfície desregular, então o óptico continua sendo a melhor opção. Mas claro, no final tudo que importa é sua preferência, afinal de contas, é você quem está comprando o produto.

E para você, óptico ou laser?